Esta semana a equipa reuniu aplicações mais "leves" para comemorar o início de agosto, o mês mais ativo no que diz respeito às férias. Seja para se entreter na praia ou no campo, nada como ter sempre jogos instalados no smartphone, e esta semana temos um título made in PT, e outro que já é considerado um clássico.

Por outro lado, férias significa também música e há propostas para "abanar o capacete" sem sair de casa. Ou se tiver curiosidade, pode consultar, no mundo inteiro, o que se está a ouvir.

Conheça a lista completa das sugestões.

Voe por reinos mágicos e participe numa experiência social em Sky: Children of the Light

Este jogo relaxante foi desenvolvido pelo estúdio responsável por Journey e Fl0wer nas consolas e PC.

Depois de ter sido lançado no ano passado para iOS, a nova aventura da ThatGameCompany chegou recentemente aos terminais Android, mantendo o espírito mágico que pauta todas as suas obras. Provavelmente ouviu falar em Journey, uma aventura que colocava o jogador a explorar uma paisagem repleta de emoções para chegar a uma montanha. Ou Fl0wer, um puzzle game em torno do crescimento de flores e controlo de pétalas, numa experiência zen.

Em Sky: Children of the Light, o jogador explora um reino mágico a voar, graças à sua capa. O jogo oferece sete cenários distintos, todos eles com temas relacionados com os estágios da vida. Há ainda um hub que serve de acesso aos diferentes reinos. O objetivo é encontrar espíritos que dão itens ao jogador, em troca de moedas recolhidas.

Ao encontrar as chamadas Fallen Stars, os jogadores recolhem uma luz que aumenta o nível da capa, possibilitando voar ainda mais longe e visitar novos locais. Por outro lado, o jogo baseia-se numa experiência social multijogador, permitindo mesmo criar amizades, conversar ou enviar presentes. Dessa forma, pode-se aprender novas habilidades, mas também colecionar itens cosméticos, tais como capas, máscaras, penteados, chapéus e instrumentos musicais que podem ser tocados.

Sky: Children of the Light está disponível gratuitamente em versões iOS e Android.


Há uma aplicação que o pode ajudar a reduzir a pegada de carbono e ser mais “amigo do ambiente”

Muitas das ações que realizamos diariamente resultam em emissões de CO2 e a Capture permite monitorizá-las em tempo real, incentivando à redução da pegada de carbono e à adoção um estilo de vida mais sustentável.

É verdade que, devido à pandemia de COVID-19, houve uma redução das emissões de CO2 da poluição atmosférica a nível mundial. No entanto, os efeitos aparentemente "positivos" da pandemia para o meio ambiente não devem ser sobrestimados. Estima-se que as alterações climáticas se mantenham por décadas, precisando de uma ação constante para mitigar os seus impactos.

Existem vários pequenos gestos que pode pôr em prática para ser mais amigo do ambiente e a Capture pode dar uma ajuda. Muitas das ações que realizamos diariamente resultam em emissões de CO2 e a aplicação permite monitorizar em tempo real a pegada de carbono, incentivando à adoção um estilo de vida mais sustentável.

A solução tecnológica recorre aos dados de GPS do smartphone e ao feedback do utilizador para detetar os níveis de CO2 emitidos, por exemplo, através das viagens diárias. Com a Capture poderá ainda calcular o impacto da forma como se alimenta na sua pegada de carbono.

À medida que usa a Capture, conseguirá manter-se a par do progresso feito em prol do meio ambiente. Se desejar, pode ainda optar por fazer doações mensais através da aplicação a organizações que trabalham para repor o equilíbrio natural do nosso planeta, como forma de compensar as emissões que produz diariamente.

A Capture está disponível tanto para Android, na Play Store, como para iOS, na App Store.


Infinite Line é um jogo que testa os reflexos e a perícia dos jogadores

O jogo tem visuais minimalistas, apostando sobretudo na jogabilidade simples, mas muito refinada.

Infinite Line desafia os jogadores a conduzir uma esfera por um caminho “infinito”, repleto de curvas e esquinas, testando os reflexos e a perícia dos jogadores. A jogabilidade é muito simples, mas bastante refinada no que diz respeito aos controlos.

Para jogar basta manter o botão premido no ecrã para dar “gás” à esfera, e sem levantar o dedo, deslizar para os lados para desviar e contornar os obstáculos e as curvas apertadas. Pode parecer simples no papel, mas na prática é um enorme desafio, até porque a cada nova partida o nível é gerado aleatoriamente, impossibilitando decorar os caminhos.

O objetivo é, não só manter-nos mais tempo em linha, como recolher o máximo de moedas pelo caminho para obter mais pontos. As moedas servem também para comprar outras cores e personalizar o jogo ao gosto de cada um.

O jogo foi produzido por apenas um programador, Francisco Ramalho, e é a sua primeira “aventura” neste mundo da produção de videojogos.

Infinite Line pode ser acedido gratuitamente para Android.

Preparado para “abanar o capacete”? Com a Cross DJ pode criar os próprios remixes em casa

Através da Cross DJ tem acesso a uma mesa de mistura virtual onde poderá combinar as suas músicas preferidas e aventurar-se a fazer remixes personalizados. Na aplicação gratuita há também direito a sons de scratch para mais realismo, 72 samples, 12 loops e um preset com várias batidas.

É verdade que os bares e discotecas vão poder reabrir ao público a partir do próximo sábado, dia 1 de agosto, se bem que com novas regras que determinam que poderão funcionar apenas como como cafés ou pastelarias. Perante a mais recente decisão do Governo, o único sítio para “abanar o capacete” em segurança é mesmo em casa e porque não experimentar fazer os próprios "grooves" com uma aplicação grátis?

A Cross DJ disponibiliza uma mesa de mistura virtual onde poderá combinar as suas músicas preferidas e aventurar-se a fazer remixes personalizados. Para facilitar o processo, a aplicação encontra o ritmo das faixas e sincroniza-as através de um algoritmo de deteção de batidas por minuto.

Na aplicação há também direito a sons de scratch para mais realismo, 72 ​samples, 12 loops e um preset com várias batidas. Com o modo SoundCloud, pode fazer remixes a partir das músicas da plataforma. É também possível importar playlists criadas nas bibliotecas de programas como o Rekordbox, Traktor ou Virtual DJ.

A Cross DJ está disponível gratuitamente para Android, na Play Store, para iOS, na App Store, e ainda para Windows e MacOS. Se já é um entendido na matéria, pode comprar a versão Pro da aplicação, que dá acesso a funcionalidades mais avançadas, por 7,99 euros na loja digital da Google ou por 4,49 euros na da Apple.


Quais são as músicas que se estão a ouvir em todo o mundo?

A música é um dos pontos de união numa cultura cada vez mais globalizada. Esta app mostra o que se ouve em todo o mundo, com base nos dados da Apple Music.

A lógica é simples: mostrar o que se está a ouvir em várias partes do globo e colocar essa informação num mapa. Foi para isso que a Lugo foi criada, embora por enquanto apenas funcione com a Apple Music.

Será que alguém está a ouvir a mesma música que eu? Com a resposta a Lugo acredita que pode celebrar a forma como a música une os diferentes povos.

Apesar de estar limitado ao Apple Music, os criadores do Lugo dizem que o suporte para o Spotify está a caminho.

A app Lugo só funciona no iPhone e pode ser descarregada gratuitamente na App Store da Apple.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.