É considerado o negócio da década para a Adobe Systems, empresa conhecida pelos seus produtos e ferramentas para projetos multimédia, como o Photoshop, Premier ou After Effects. A aquisição da Magento Commerce, especialista em serviços e-commerce, vai permitir expandir o negócio digital da Adobe, com principal foco na sua Experience Cloud e nas suas ferramentas ligadas a analytics, publicidade e marketing.

A plataforma expandida pretende servir tanto as áreas de negócio empresarial como dos consumidores. O acordo teve um valor de 1.680 milhões de dólares e será finalizado durante o terceiro quarto do corrente ano fiscal da Adobe.

Segundo o Business Insider, esta aquisição foi bem-recebida em Wall Street, aumentando 0,68% o valor das ações da Adobe, horas depois do negócio ter-se tornado público, além de ter recebido notas positivas dos analistas. A Adobe manifestou igualmente planos para readquirir 8.000 milhões de dólares das suas ações durante o seu ano fiscal de 2021.

A plataforma de e-commerce da Magento compete diretamente com empresas como a Shopify, BigCommerce e Salesforce, e segundo os especialistas, o negócio coloca a Adobe em boa posição face aos seus rivais nas áreas do marketing digital e gestão de relacionamento com clientes (CRM).

Com a aquisição da Magento Commerce, a Adobe encaixa ainda contas importantes, tais como a Canon, a Rosetta Stone, Helly Hansen, assim como a Coca-Cola, Warner Music Group, Nestle e Cathai Pacific que também já eram clientes da empresa.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.