A série Morangos com Açúcar estreou-se em 2003, na TVI, e tinha como um dos objectivos transmitir boas mensagens aos jovens. Com um público alvo de crianças e adolescentes, os autores tentaram desde o início introduzir temas polémicos, como a gravidez adolescente, a homossexualidade e o consumo de drogas, numa perspectiva pedagógica. Mas alguns dos actores da novela juvenil têm revelado um lado mais negro.

Francisco Adam, o popular Dino, deixou os fãs em choque, depois de morrer num acidente de automóvel em 2006. A autópsia comprovou que o actor tinha ingerido álcool e cocaína antes do despiste que o vitimou em Coruche.

No ano passado, foi a vez de Tiago Fernandes – que também participou em Doce Fugitiva – ser ligado ao mundo das drogas. O actor foi preso e, já em 2011, condenado a três anos de prisão efectiva, depois de o tribunal dar como provado que fazia parte de um gangue ligado ao tráfico de estupefacientes e ao furto de automóveis.

No último mês, o país tem seguido o estado da actriz Sónia Brazão, que se encontra internada no Hospital de São José, desde o dia 3 de Junho, depois de ter sido vítima de uma explosão de gás no seu apartamamento. Suspeita-se que Sónia, que fazia de professora na 3.ª e 4.ª séries de Morangos, possa ter tentado o suicídio. A actriz não tinha trabalho há quase um ano e tinha-se queixado publicamente de ter «deitado ao lixo» os 15 anos em que trabalhou na TVI.

Sol

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.