Uma mulher foi apanhada a tentar ajudar o seu marido a fugir de uma prisão no México dentro de uma mala, depois de uma visita conjugal, indicaram as autoridades, segundo a  Rádio Renascença.

Os guardas da prisão de Chetumal repararam no nervosismo de Maria del Mar Arjona, de 19 anos, que puxava uma volumosa mala preta com rodas. Foram verificar o conteúdo e encontraram no seu interior, na posição fetal, Juan Ramirez Tijerina, com quem a jovem tem uma união de facto.

Juan Ramirez Tijerina encontra-se a cumprir uma pena de 20 anos de prisão desde 2007, altura em que foi condenado por posse ilegal de armas.

Arjona acabou por ser detida.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.