No âmbito deste acordo serão fabricados veículos em Gurun, no norte da Malásia, numa infraestrutura gerida pela Naza Automotive Manufacturing (NAM) e que começou a funcionar em 2004.

A fábrica emprega 450 trabalhadores e tem uma capacidade de produção em cadeia de 50 mil veículos anuais.

A Naza fica encarregue da distribuição dos veículos Citroën, Peugeot e DS na Malásia, enquanto o fabricante francês, liderado pelo português Carlos Tavares, aproveitará os contactos do novo sócio para explorar outros mercados na região.

Estão localizados no sudeste asiático a Birmânia, Brunei, Camboja, Filipinas, Indonésia, Laos, Malásia, Singapura, Tailândia, Timor-Leste e Vietname, países que somam, no total, quase 640 milhões de habitantes.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.