“O projecto pretende investir na contratação de serviços técnicos”, que vão verificar “as características topográficas e geotécnicas” do terreno para onde está prevista a instalação do parque eólico, lê-se no aviso do BAD para apresentação de propostas de consultoria.

O parque, com uma capacidade prevista de 120 MW, é uma iniciativa da Eleqtra, empresa presente em vários países e com experiência na área de energia na África subsaariana.

"Os estudos geotécnicos incluirão perfurações para determinar a composição do solo em locais prováveis para colocar turbinas, subestações e outros componentes importantes da infraestrutura", ao passo que os outros estudos devem abranger "o mapeamento de características topográficas e padrões de drenagem de águas pluviais".

O resultado final deverá ser um relatório com "detalhes suficientes" para futuros fornecedores do projeto, conclui o BAD.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.