O voo de ida e volta vai ser feito três vezes por semana (terças, quintas e sábados) a partir de 25 de Julho, anunciou Daniel Tsige, representante da companhia em Moçambique, citado hoje pelo jornal Notícias.

“[O voo] aterrará no centro do país, que é o ponto mais próximo de todas as cidades. Num futuro próximo, também pretendemos sair directamente da Beira para os países da África Austral", acrescentou o representante.

O início dos voos internacionais é o primeiro passo da estratégia de transferência da operação da Ethiopian Airlines de Maputo para a capital da província de Sofala, incluindo a mudança das aeronaves domésticas e da base de operações.

"Como a Beira está geograficamente localizada no centro do país […], pode desenvolver-se, rapidamente, para se tornar num ponto de ligação", declarou Daniel Tsige.

A Ethiopian Airlines iniciou as operações domésticas em Moçambique em Dezembro de 2018, tornando-se na segunda companhia de origem estrangeira a ligar diferentes cidades do país.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.