A Kenmare registou "um aumento de 3% no total de produtos despachados, de 1.040 (2017) para 1.074 quilotoneladas, um novo recorde anual", lê-se no comunicado de resultados preliminares, segundo o qual o lucro após impostos cresceu 162% para 50,9 milhões de dólares.

A mina de Moma está localizada no distrito de Larde, província de Nampula, e dali é extraída ilmenite e subprodutos associados, rutilo e zircónio.

Os minerais a que usualmente se faz referência com a expressão "areias pesadas" - por serem minúsculos cristais extraídos de areia -, são usados em aplicações industriais, tais como pigmentação de tintas e outros produtos, ou em sistemas de abrasão e isolamento.

"Os preços médios recebidos pelos nossos produtos foram mais altos em 2018 em comparação com 2017 e há uma perspectiva positiva devido ao crescimento contínuo da procura, ao esgotamento das minas existentes e à oferta limitada de novas minas nos próximos anos", lê-se no comunicado de hoje.

A Kenmare está a expandir a área de operações da mina com o objectivo de "aumentar a produção em 20%, por forma a alcançar 1,2 milhões de toneladas por ano de ilmenite até 2021", concluiu.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.