Segundo o banco central angolano, o dólar mantém-se estável, estando há quatro dias consecutivos com a mesma cotação, 314,721 kwanzas/dólar, valor situado no intervalo entre os 311 e 315 kwanzas em que a moeda norte-americana tem oscilado há mais de três meses.

Em janeiro de 2018, face ao pico da crise económica que o país então vivia, as autoridades angolanas começaram a vender aos bancos comerciais as divisas em leilão, primeiro trissemanais e atualmente diárias, com a moeda angolana a transacionar-se, então, a 185,40 kwanzas/euro. Desde essa altura, o kwanza depreciou-se 47,996%.

No mesmo sentido, a moeda norte-americana, que em janeiro do ano passado se transacionava a 162,92 kwanzas/dólar, depreciou-se 47,28%.

No mercado paralelo, o euro continua a transacionar-se entre os 450 e 470 kwanzas, enquanto o dólar também se mantém entre os 390 e 410 kwanzas.

JSD // JNM

Lusa/Fim