Uma nota de imprensa da Kuhanha enviada a AIM, diz que, nos termos do acordo, é intenção ainda que o Moza Banco adquira o Banco Terra SA, instituição participada pela Arise Fund.

“Com a consolidação destas instituições, num quadro de crescimento sustentável, o Moza Banco irá assumir-se como um dos três principais bancos do sistema financeiro nacional”, lê-se no comunicado.

A fonte cita a administradora delegada da Kuhanha, Felicidade Banze, a afirmar que a instituição está empolgada com o acordo que visa um importante investimento.

Banze manifesta ansiedade em construir um banco cada vez mais rentável e sustentável e que contribua para um futuro melhor em Moçambique.

Para o Presidente do Conselho de Administração da Arise Fund, Deepak Malik, as sinergias oferecidas por esta relação entre ambas instituições deverão colocar o Moza Banco em melhores condições para servir os moçambicanos, bem como promover a inclusão financeira.

Citado na fonte, Malik afirma que “esta parceria está em harmonia com a visão da Arise em contribuir para o desenvolvimento do sector bancário no continente africano e, desta forma, para o crescimento económico e criação de emprego”.

Em finais de maio de 2017, a Kuhanha injectou cerca de 8.170 milhões de meticais (um dólar equivale a 62 meticais, ao câmbio actual) para comprar o Moza Banco.

Em Setembro de 2016, o Banco Central resgatou o Moza Banco que enfrentava problemas de liquidez.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.