Num comunicado que distribuiu hoje à imprensa em Maputo, o Ministério dos Recursos Minerais e Energia (MIREME) refere que os novos preços têm efeito a partir de quarta-feira e que a medida mantém os preços dos restantes combustíveis usados no país.

Nesse sentido, o litro do gasóleo mantem-se nos actuais 56,43 meticais (80 cêntimos), o petróleo de iluminação nos 44,73 meticais (64 cêntimos) e o gás doméstico (GPL) nos 70,11 meticais o quilo (90 cêntimos).

O MIREME assinala que o preço do barril do crude tem vindo a subir de forma considerável no mercado internacional nos últimos seis meses.
Em junho, o barril de crude situava-se nos 47,58 dólares e hoje ronda os 63,56 dólares, refere a nota.

"Pese embora a subida gradual que se tem verificado no mercado internacional, o Governo continuará, como tem sido sua política, a proteger os setores mais necessitados, nomeadamente o transporte coletivo público e privado de passageiros, agricultores, a geração de energia nos distritos e a pesca artesanal", destaca o MIREME.

A nota acrescenta que a atualização dos preços de combustíveis no país resulta do imperativo legal de que a revisão do tarifário no setor deve ser feita numa base mensal.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.