"Em termos de desempenho, olhando para os principais indicadores, o Produto Interno Bruto (PIB) cresceu em 3,4%", referiu Ana Comoana, porta-voz do Conselho de Ministros.

"Este indicador já demonstra a melhoria do desempenho da economia nacional", acrescentou.

No primeiro trimestre deste ano, o PIB tinha crescido 3,2%, registando-se depois um crescimento de 3,3% no conjunto dos dois primeiros trimestres (entre Janeiro e Junho).

Com um trimestre pela frente, os números ficam aquém das previsões anuais do executivo.

O Governo moçambicano tinha previsto no início do ano que a economia deveria crescer 5,3% em 2018, meta que foi revista em baixa pelo Ministério da Economia e Finanças no início de Outubro para 4,1%.

O Banco Mundial prevê que a economia de Moçambique cresça 3,3% este ano, enquanto que o Fundo Monetário Internacional aponta para 3,5%.

O PIB moçambicano cresceu 3,8% em 2016 e 3,7% em 2017.

No que respeita à execução do Orçamento de Estado, esta teve em atenção "a racionalização da despesa pública", bem como "a melhoria da capacidade de arrecadação de receitas do Estado", acrescentou a porta-voz.

O Governo referiu que vão merecer atenção os sectores de alojamento e restauração "que podem alavancar a economia nacional", referiu.