O diretor desportivo do Barcelona, Eric Abidal, encontrou-se nos últimos dias com Jorge Mendes, empresário do futebolista luso-cabo-verdiano Nélson Semedo, no Dubai, para discutir o futuro do lateral, que poderá passar pelo Manchester United.

Segundo noticia o jornal online A Bola, “nos últimos dias já tinha havido notícias de que o jogador tinha perdido o estatuto de intransferível e de acordo com o jornal catalão Sport, o clube pretende reativar planos que já tinham tido no verão passado, de movimentar o jogador. Acabou por ficar, mas com a aposta em Sergi Roberto, lateral-direito, a saída deste defensor poderá aliviar as contas do clube”.

O jornal refere que todas as partes estão interessadas na operação de saída com o Barça a ter a hipótese de encaixe financeiro, ao passo que para o jogador está no horizonte uma melhoria de contrato e um clube onde poderia jogar mais, o que proporciona, automaticamente, uma boa comissão para Jorge Mendes.

No último mercado foram recusadas propostas de Inglaterra e até do Atlético Madrid, que queria o atleta de origem crioula como moeda de troca no negócio do francês, Griezmann – e o técnico catalão Valverde acredita poder consolidá-lo a lateral, fazendo avançar Sergi Roberto, mas o espanhol mostrou-se mais valioso na posição e Nélson Semedo perdeu espaço.

O Manchester United está sendo referenciado como uma boa hipótese dada a boa relação de Jorge Mendes com o clube de Old Trafford.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.