Atlético Madrid 2-2 Juventus

João Félix e Cristiano Ronaldo foram cabeça de cartaz de um duelo muito aguardado. E ninguém desiludiu. Quatro golos e muitos outros desperdiçados. A Juventus esteve a vencer por 0-2. Cuadrado, aos 48 minutos, num grande golo e Matuidi, aos 65 minutos, deram uma vantagem confortável. No entanto, o "Atléti" conseguiu empatar. Aos 70, Savic fez o 1-2 e Herrera, em cima do minuto 90, fez o 2-2 final. - Reuters/S. Vera

PSG 3-0 Real Madrid

Grande noite do PSG e principalmente de Di Maria. O argentino marcou dois belos golos frente à equipa que representou entre 2010 e 2015. O primeiro, aos 14 minutos. Aos 33, num remate fora da área, duplicou o resultado em 2-0. Já depois do minuto 90, Meunier fez o 3-0 final. Real Madrid humilhado em França. - Reuters/B. Tessier

Dinamo Zagreb 4-0 Atalanta

Estreia para nunca mais recordar da Atalanta na Liga dos Campeões e para nunca mais esquecer de Oršić. O médio croata fez um hat-trick! O primeiro golo surgiu aos dez minutos, por intermédio de Leovac. Depois, o "show" de Oršić. Aos 31 minutos, 2-0 para o Zagreb. Aos 42 minutos, bis de Oršić e 3-0 para o Zagreb. Já na 2ª parte, Oršić fez o 4-0 e completou o hat-trick! - Reuters/A. Bronic

Shakhtar Donetsk 0-3 Manchester City

Goleada dos bicampeões ingleses na Ucrânia. Mahrez, aos 24 minutos, abriu o marcador para o City. Aos 38 minutos foi a vez de Gündoğan fazer o gosto ao pé. Já na 2ª parte, Gabriel Jesus (foto) fechou o marcador em 0-3. A equipa comandada por Luís Castro não teve qualquer hipótese durante os 90 minutos. - Reuters/G. Garanich

Olympiakos 2-2 Tottenham Hostpur

Jogo muito equilibrado na estreia de Pedro Martins, treinador do Olympiakos, na Liga dos Campeões. O vice-campeão europeu, Tottenham, marcou dois golos em quatro minutos. Harry Kane, de penálti, fez o 0-1 e, pouco depois, Lucas ampliou para 0-2. Daniel Podence, português formado no Sporting, reduziu para 1-2, ainda na primeira parte. No 2º tempo, Valbuena (foto, esq.), fez o 2-2 final. - picture-alliance/dpa/AP Photo/T. Stavrakis

Bayern Munique 3-0 Estrela Vermelha

Resultado leve para o Estrela Vermelha. Basta referir que o Bayern fez 10 remates à baliza dos sérvios e o Estrela nem um conseguiu na baliza dos bávaros. O primeiro golo chegou aos 34 minutos, de Kinglsey Coman (foto). O festival de oportunidades perdidas continuou até aos 80 minutos. Lewandowski fez o 2-0 e, aos 90+1, Thomas Müller fez o 3-0 final. - Reuters/M. Dalder

Bayer Leverkusen 1-2 Lokomotiv Moscovo

Surpresa na BayArena. Depois de uma goleada sofrida frente ao Borussia Dortmund, o Leverkusen tinha um adversário teoricamente mais fraco para arrancar a caminhada na Liga dos Campeões. Mas essa superioridade não saiu do papel. Aos 16 minutos, Krychowiak (foto) fez o 0-1. Nove minutos depois, Höwedes fez autogolo e empatou o jogo. Ainda na 2ª parte, Barinov fez o 1-2 final. - Getty Images/L. Schulze

Club Brugge 0-0 Galatasaray

Jogo sem grande histórico, muito aquém das expetativas de uma partida da Liga dos Campeões. O Brugge fez dois remates à baliza e o Galatasaray conseguiu um. Noite tranquila para os dois guarda-redes em campo. - Reuters/F. Lenoir

Borussia Dortmund 0-0 Barcelona

Um jogo que prometia golos ficou-se no nulo. Muito por culpa deste senhor na fotografia. Aos 57 minutos, Jadon Sancho sofreu falta sobre Nélson Semedo dentro da grande área e ganhou um penálti para o Dortmund. No 1 vs. 1, entre Reus e Ter Stegen, o guarda-redes alemão venceu o duelo frente ao compatriota, numa defesa de deixar qualquer um de boca aberta. - picture-alliance/dpa/B. Thissen

Napoli 2-0 Liverpool

Pelo 2º ano consecutivo, o Liverpool volta a cair em Napoli. Os campeões europeus desperdiçaram algumas oportunidades na primeira parte, mas o jogo tem 90 minutos. No segundo tempo, o domínio foi do Napoli, que se adiantou no marcador apenas aos 82 minutos. Mertens, de grande penalidade, fez o 1-0. Já no tempo de descontos, Llorente (foto) fez o 2-0 final. - Reuters/C. De Luca

Chelsea 0-1 Valência

Primeira vitória do Valência em Stamford Bridge. O único golo da partida surgiu aos 74 minutos. Rodrigo, antigo jogador do Benfica, fez o golo solitário em casa do vencedor da Liga Europa. - Reuters/H. McKay

Ajax 3-0 Lille

Vitória categórica do Ajax perante os vice-campeões franceses. Promes (foto), aos 18 minutos, fez o 1-0 para os campeões holandeses. Já na 2ª parte, Alvarez ampliou o resultado para 2-0. Aos 62 minutos, Tagliafico fez o 3-0, resultado final. - Reuters/P. van de Wouw

SL Benfica 1-2 RB Leipzig

Frieza alemã em Lisboa. Três remates à baliza, dois golos e do mesmo homem. Aos 69 minutos, Werner (foto) fez o 0-1. Aos 78, o avançado alemão bisou e fez o 0-2. O Benfica ainda reduziu para 1-2, por intermédio de Seferović, aos 84 minutos. O RB Leipzig, apesar de jogar a Liga dos Campeões pela segunda vez na história do clube, mostrou mais experiência e frieza que o campeão nacional de Portugal. - picture-alliance/P. Fiuza

RB Salzburgo 6-2 Genk

Noite de sonho para Håland (foto)! O avançado norueguês de 19 anos, fez um hat-trick em estreia na "Champions". Logo aos dois minutos, Håland fez o 1-0. Aos 34 minutos, bisou. Dois minutos depois, Hwang fez o 3-0. Aos 40, Lucumi reduziu para o Genk. Aos 45 minutos, Håland fez o 4-0 e completou o hat-trick! Ainda aos 45+2, Szoboszlai fez o 5-0. No 2º tempo, Samata fez o 5-2 e Ulmer fechou em 6-2. - Reuters/L. Foeger

Olympique Lyon 1-1 Zenit

Empate com sabor amargo para o Lyon. A equipa francesa desperdiçou várias oportunidades para marcar mais golos. Quem não desperdiçou aos 41 minutos foi Azmoun. 0-1 para o Zenit. Já na 2ª parte, Depay, a estrela do Lyon, converteu uma grande penalidade e fez o 1-1, que viria a ser o resultado final. - Reuters/E. Foudrot

Inter Milão 1-1 Slavia Praga

Surpresa em Milão. O modesto Slavia Praga, que está de regresso à "Champions" doze anos depois, conseguiu um empate em casa do Inter. O emblema checo marcou primeiro. Aos 63 minutos da 2ª parte, Olayinka fez o 0-1. O Inter salvou-se ao minutos 90+2 com um golo de Barella. - Imago Images/Insidefoto

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.