O director-desportivo brasileiro do Paris Saint-Germain, Leonardo, confirmou em entrevista ao diário francês JDD – Jornal do Domingo – que os contratos de Thiago Silva e Edinson Cavani não vão ser renovados. Contratos que terminam a 30 de Junho de 2020. No entanto os dois jogadores poderão ainda jogar com a camisola parisiense em Agosto na derradeira fase da Liga dos Campeões europeus, na qual o PSG está apurado para os quartos-de-final.

O defesa brasileiro e o avançado uruguaio poderão estar presentes na liga milionária visto que a UEFA, organismo que gere o futebol europeu, indicou que os clubes podiam prolongar os contratos dos jogadores para além do 30 de Junho, até ao fim da época 2019/2020, que já terminou em França, no que diz respeito ao campeonato, mas que ainda não acabou a nível europeu, visto que a Liga dos Campeões ainda não foi decidida dentro das quatro linhas.

Thiago Silva, o “Monstro

O defesa brasileiro Thiago Silva chegou ao clube no Verão de 2012, proveniente dos italianos do AC Milan. Foram oito temporadas com a camisola do Paris Saint-Germain e um número importante de títulos conquistados: 7 campeonatos de França, 5 Taças da Liga, 5 Supertaças e 4 Taças de França. 21 títulos arrecadados com a camisola parisiense.

O capitão do PSG e internacional brasileiro acabou por ser uma referência da era qatari na capital francesa visto que os investimentos oriundos do Qatar chegaram no Verão de 2011 e acabaram por contratar as suas primeiras grandes estrelas no Verão seguinte, entre eles Thiago Silva.

Edinson Cavani, o “Goleador

O avançado uruguaio Edinson Cavani chegou ao clube no Verão de 2013 proveniente dos italianos do Nápoles. Após 7 épocas com o PSG e 19 títulos conquistados, o “Goleador” acaba por sair visto que perdeu o lugar na frente de ataque onde actuam jogadores com o brasileiro Neymar, o francês Kylian Mbappé e o argentino Mauro Icardi.

No entanto deixou a sua marca no clube, por onde passaram nomes como o sueco Zlatan Ibrahimovic e o português Pauleta, apontando 200 golos com a camisola parisiense, sendo actualmente o melhor marcador da história da equipa da capital francesa.

Eric Mendes, jornalista desportivo e especialista do PSG, lembrou que tanto Thiago Silva como Edinson Cavani foram importantes na história do clube, apesar de agora fazerem parte do passado.

O último grande desafio para os dois jogadores será tentar conquistar a Liga dos Campeões europeus de futebol, a grande ambição do projecto qatari quando contrataram jogadores como Thiago Silva e Edinson Cavani, e que até agora ainda não conseguiram realizar.


Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.