A Selecção Francesa, a jogar em casa, voltou a vencer no Mundial feminino da FIFA. Desta vez, em Nice, no Sul do território francês, as gaulesas derrotaram as norueguesas por 2-1.

Os golos foram apontados por Valérie Gauvin (46’) e por Eugénie Le Sommer (72’) para as francesas, enquanto o tento da Noruega foi marcado na própria baliza pela francesa Wendie Renard (54’).

No fim do encontro, a selecionadora francesa Corinne Diacre enfatizou a dificuldade de um campeonato do mundo.

Um Mundial é algo de complicado. São jogos como este: difíceis, complicados. As coisas resolvem-se através de pequenos pormenores. Não é porque em dois jogos obtivemos duas vitórias que nos tornámos nas favoritas da competição. Não é de todo, mas de todo o caso ! Conheço perfeitamente o meu grupo, de há 21 meses a esta parte. Nesta partida não houve nada que elas me tivessem ensinado. É verdade que fomos nós mesmas a nos colocarmos frequentemente em apuros ! Isto são erros individuais, ou mesmo colectivas que temos de apagar para podermos ir bem mais além na competição“, afrmou Corinne Diacre.

No outro encontro do Grupo A, a Nigéria venceu por 2-0 a Coreia do Sul.

As francesas lideram o grupo com 6 pontos, à frente das nigerianas e das norueguesas com três, enquanto as sul-coreanas ainda não pontuaram.

Recorde-se que na primeira jornada a França venceu por 4-0 a Coreia do Sul, enquanto as norueguesas derrotaram a Nigéria por 3-0.


Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.