Este fim-de-semana marca o regresso do futebol na Alemanha. A Bundesliga é a primeira grande liga europeia a reatar a competição, após suspensão em meados de março, devido ao surto do novo coronavírus. No entanto, para já, o futebol não voltará a ser como antes desta pandemia, pelo menos, num futuro próximo. Para que seja um sucesso e não mais um quebra-cabeças para o Governo, a DFL (Liga Alemã) enunciou um conjunto de regras para o reinício da Bundesliga.

"Nova normalidade"

A "nova normalidade" que o futebol vai viver nos próximos tempos, sem um fim certo à vista, é para ficar. Em tempos de crise, todo o cuidado é pouco. Por isso, a Bundesliga reiventou-se e estas são algumas das mais importantes regras para o recomeço da temporada:

  • Proibido cuspir para o chão, dar abraços ou cumprimentos com a mão; os únicos toques permitidos nos festejos de golo terão de ser feitos com os pés ou cotovelos;
  • Não haverá fotografias oficiais de equipa, nem as habituais crianças a acompanhar os jogadores;
  • As equipas sairão dos balneários para o relavado de forma separada;
  • Todos os jogadores suplentes deverão sentar-se de forma intercalada - com um banco vazio de distância - e será obrigatório o uso de máscara;
  • O treinador também é obrigado a usar máscara, mas poderá removê-la para dar instruções caso mantenha uma distância de 1.5 metros das restantes pessoas;
  • O tempo gasto no balenário após o jogo deverá ser reduzido ao máximo. A recomendação está entre 30 a 40 minutos.

FIFA aprova cinco substituições

No passado dia 8 de maio, a FIFA, órgão que tutela o futebol mundial, autorizou cinco substituições por jogo, medida temporária, tomada com o intuito de proteger os jogadores neste período de pandemia. O IFAB (International Board) autorizou, dando seguimento à proposta da FIFA. Trata-se, no fundo, da resposta à solicitação de algumas federações que vão ou planeiam retomar a competição, como o caso da Bundesliga. O objetivo desta alteração às leis do Jogo é proteger os jogadores num período de sobrecarga competitiva.

“Como o futebol está a considerar a retoma das competições pelo mundo após a pandemia da Covid-19, o IFAB concordou em fazer uma alteração temporária às leis do Jogo, com base na proposta feita pela FIFA para proteger o bem-estar do jogador”, explica, em comunicado, o organismo que tutela as regras do futebol.

Esta alteração pontual vai entrar imediatamente em vigor e vai ser aplicada nas competições que venham a ser concluídas até 31 de dezembro de 2020.

“O IFAB aprovou a proposta da FIFA de introduzir uma alteração temporária à “Lei 3 - Os jogadores”, que vai permitir um máximo de cinco substituições a serem feitos por equipa. No entanto, cada equipa só poderá fazer as substituições em três momentos, sendo que também podem ser feitas ao intervalo”, detalhou.

Se as “janelas” de substituição forem esgotadas no tempo regulamentar, poderão ser utilizadas no prolongamento (no caso de competições a eliminar), mas o IFAB sublinha que a introdução desta medida fica ao critério das entidades organizadores das competições, sejam as ligas nacionais ou as federações.

Controlo sanitário do futebol

O protocolo elaborado pela DFL (Liga Alemã) e assinada pelos 36 clubes das duas principais divisões do futebol alemão, é um guião de como as equipas deverão agir contra ou com a Covid-19. Isto porque, caso haja jogadores que contraiam o vírus na retoma do campeonato, essa pessoa deverá ficar 14 dias de quarentena, poís o campeonato não voltará a ser interrompido.

Este plano muito restrito define também, que todos os intervenientes vão ser testados com regularidade e que os jogos serão à porta fechada, e com um máximo de 300 pessoas no estádio, sendo que apenas 98 poderão estar na zona do relvado e envolvente. Outra medida é o alojamento das equipas. Os plantéis vão ter hóteis exclusivos, onde poderão treinar, sempre mantendo distância social de, pelo menos, 1.5 metros entre cada pessoa.

Insólito em Augsburgo

O treinador do Augsburgo, Heiko Herrlich, irá falhar o reinício da Bundesliga no sábado (16.05), depois de ter quebrado regras rigorosas de quarentena, ao deixar o hotel da equipa para comprar pasta de dentes.

O clube afirmou, numa declaração oficial que, ao deixar o hotel, Herrlich tinha quebrado as regras estabelecidas pela Liga Alemã de Futebol (DFL).

"Cometi um erro ao deixar o hotel. Apesar de ter seguido todas as medidas de higiene, tanto quando saí do hotel como quando não o fiz, não posso desfazer isto", lamentou Herrlich.

"Nesta situação, não cumpri a minha função de modelo para a minha equipa e para o público. Por isso, vou ser coerente e manter-me fiel ao meu erro", afirmou o técnico do Augbsurgo.

Eis as datas e horas dos jogos da 26ª jornada:

Dia 16 (sábado):

Borussia Dortmund x Schalke 04 (13h30 UTC)

RB Leipzig x Friburgo (13h30 UTC)

Hoffenheim x Hertha Berlim (13h30 UTC)

Fortuna Düsseldorf x Paderborn (13h30 UTC)

Augsburgo x Wolfsburgo (13h30 UTC)

Eintracht Frankfurt x Borussia Mönchengladbach (16H30 UTC)

Dia 17 (domingo):

FC Colónia x Mainz (13h30 UTC)

Union Berlim x Bayern Munique (16h00 UTC)

Dia 18 (segunda-feira):

Werder Bremen x Bayer Leverkusen (18h30 UTC)

Faltando nove jornadas para o fim da Bundesliga, e com o fim do campeonato agendado para o dia 27 de junho, haverá duas jornadas a serem disputadas durante a semana.

O Bayern Munique é líder isolado, com mais quatro pontos que o Borussia Dortmund. Na luta pela descida estão o Paderborn, Werder Bremen e Düsseldorf.

por:content_author: António Deus

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.