O movimento humanitário “Activista moçambique” está a conduzir uma campanha de angariação de donativos para as vítimas dos ataques em Cabo Delgado, no norte de Moçambique.

Estes ataques já causaram mais de 100 mortos e milhares de deslocados.

A RFI ouviu Cídia Chissungo, do movimento de jovens que decidiu fazer valer a sua juventude lutando por causas sociais.

Oiça aqui as suas declarações, ao microfone do correspondente da RFI em Moçambique, Orfeu Lisboa :

De referir ainda que este movimento humanitário espera poder sensibilizar os países membros SADC ( Comunidade de Desenvolvimento da África Austral), já que se encontram envolvidos nesta difícil situação cidadãos de países vizinhos.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.