Página gerada às 15:24h, quinta-feira 17 de Agosto

Portugal apoia Moçambique no combate à falta de água em Maputo

12 de Maio de 2017, 19:44

Maputo, 12 mai (Lusa) - Portugal vai atribuir um apoio de 525 mil euros a Moçambique para ajudar a resolver problemas com a falta de água na capital, Maputo, anunciou hoje a embaixada portuguesa.

Um protocolo de cooperação foi assinado hoje em Maputo entre o Fundo de Investimento e Património do Abastecimento de Água (FIPAG) moçambicano e a empresa Águas de Portugal.

A verba será atribuída através do Fundo Ambiental do Ministério do Ambiente português e cabe à Águas de Portugal executar o protocolo.

Está prevista uma campanha de sensibilização para poupança e racionalização do uso da água e reforçar o abastecimento com furos de captação de água subterrânea no centro de Maputo e na linha de cintura de cimento da capital.

O protocolo prevê ainda medidas de redução de perdas e fugas de água do sistema de abastecimento e tratamento de água a partir do rio Umbelezi.

A província de Maputo, sul de Moçambique, enfrenta restrições no acesso a água potável devido à fraca pluviosidade da época chuvosa 2016-2017 no sul do país.

A Direção Nacional de Gestão de Recursos Hídricos prevê que as limitações se prolonguem até setembro uma vez que a Barragem dos Pequenos Libombos, que fornece água potável à província, dispõe de apenas 28,12% dos 400 milhões de metros cúbicos de capacidade instalada.

LFO (PMA) // EL

Lusa/fim


Comentários

Critério de publicação de comentários