Página gerada às 20:54h, sabado 24 de Junho

GOVERNO VAI AVANÇAR COM EXTINÇÃO DA EMPRESA TPB

21-04-2017 17:27:25


Maputo, 21 Abr (AIM) – O Ministério dos Transportes e Comunicações (MTC) vai avançar com a decisão de extinguir a empresa Transportes Públicos da Beira (TPB), que opera na capital da província central de Sofala, no quadro de medidas tomadas pelo Governo visando reestruturar o serviço de transporte em Moçambique.

A confirmação da decisão foi anunciada quinta-feira pelo ministro do pelouro, Carlos Mesquita, que revelou estar em preparação um despacho conjunto a ser rubricado nos próximos dias, que vai estabelecer as condições necessárias para a extinção da empresa, no quadro da reestruturação que o Executivo pretende levar avante no sector.

“Neste momento, está em preparação o despacho conjunto entre o Ministério dos Transportes e Comunicações e o Ministério da Economia e Finanças que poderá ser assinado nos próximos dias”, explicou Mesquita, sublinhando que a decisão do governo já foi tomada.

A luz da decisão, todo o património daquela empresa deverá ser, mais tarde, partilhado com a vizinha autarquia de Dondo, medida que foi desde início contestada pela respectiva edilidade, que vê os activos da empresa como propriedade sua além de ter questionado até que ponto a medida seria factível.

Na recente visita à sede da Empresa Municipal de Transporte Público de Maputo (EMTPM), em Maputo, o estadista moçambicano, Filipe Nyusi, disse no conselho consultivo do MTC alargado aos quadros a vários níveis haver necessidade de uma reestruturação profunda do sector do transporte.

No quadro das medidas destinadas a revitalizar o sector de transportes no país e garantir um serviço à altura das necessidades dos utentes, o governo e a Federação Moçambicana dos Transportadores Rodoviários (FEMATRO) rubricaram, quinta-feira, um memorando de entendimento que preconiza uma nova abordagem do subsídio ao custo de combustível.

Ainda na esteira do memorando, está igualmente prevista a aquisição de um lote de 300 novos autocarros que serão usados, pela FEMATRO, que possui 8.825 membros em todo o país, com vista a provisão do serviço de transporte nos centros urbanos.
(AIM)
LE/SG


(AIM)

Comentários

Critério de publicação de comentários